Posts recentes...clique...navegue...explore!

20.4.19

Ponto zero


(...)

O carro de repente quebrou na estrada
Ela foi obrigada a ir embora de reboque.
Lá de cima, por aquele surpreendente ângulo
Ela olhou pra cima e respirou fundo, demorado.

Lembranças salpicaram a mente dela como um desfile.
Todas leves, prazerosas, coloridas, alegres, positivas.
E, entre elas, lá estavam algumas ótimas lembranças dele.

Isso a fez perceber, pela primeira vez, que ele virara passado.
E isso foi libertador, embora também provocasse nela uma certa dor.
Mas, ela sabia que essa era a última ferida e seria a última cicatriz.

Ela continuou a olhar para cima (céu aberto), sentindo muito por mais uma vez
O ciclo fechou, ela partiu, o deixou ir e desejou que ambos, a despeito de tudo

...Voem