Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Fevereiro, 2016

Acareações

Pertenciam a planetas distintos. Se encontraram ao acaso no espaço entre eles. Por alguma razão, que parecia ser das melhores, se conectaram. Passaram então a se explorar virtualmente via pulsos, fótons, bytes, chips, máquinas. 
Depois de dezenas de dias compartilhados em correspondências de todos os tipos: mensagens, imagens, cumplicidades, músicas, fotos, emails, confissões, diálogos, risos, silêncios, discussões, revelações, encorajamentos, concessões; estavam ali os dois, um diante do outro, na real. Não era mais potência, era vida, verdade.
E agora? O que ele ia fazer com o que cativou? O que ia fazer com aquela grandiosidade que claramente não cabia no pequeno espaço destinado apenas à sua fugaz curiosidade.
Ele devia ter consultado e sido honesto com as suas reais motivações. Afinal, permitir-se ir de encontro e se entregar a algo inteiramente novo exige uma liberdade que só é possível se desapegarmos do passado; e o passado é sempre muito confortável. 
E então começaram um out…

Sintaxe

Amores se tornam
O amor chega e já é

Amores decepcionam
O amor encanta

Amores vibram
O amor estabiliza

Amores arrombam portas
O amor abre caminhos

Amores animam
O amor inspira

Amores são possibilidades
O amor é certeza

Amores chacoalham
O amor emociona

Amores são corações
O amor é peito

Amores colorem
O amor ergue

Amores divertem
O amor enaltece

Amores tem nomes e sobrenomes
O amor simplesmente sabe

Amores dão ansiedade
O amor dá coragem

Amores seguem calendários
O amor tem seu próprio tempo

Amores arrancam risadas
O amor planta sorrisos

Amores são barulhentos
O amor é calado

Há amores
E há o amor


Artwork: Joe Webb