Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Junho, 2020

Amelie Não Quer Mais

A COVID-19 é um mal que abalou (literalmente) o mundo e ainda não parou de fazer vítimas. Mas, na carona do seu isolamento forçado vieram reflexões, percepções e insights que podem mudar (e melhorar) a maneira de nos relacionarmos com a vida. E uma delas é: Precisamos de tanta coisa? Logo no início da pandemia, com tempo de sobra e sem cabeça para o que exigisse muita concentração, me ocupei arrumando todos os armários que existem na minha casa. Coloquei na conta até aqueles que ficam no alto de nossas cabeças, e nos quais costumamos guardar coisas que ficam anos (ou até o resto da vida) sem serem utilizadas. Então para que guardamos, não é? O resultado dessa expedição doméstica foram encontros com lembranças, achados eventuais  de coisas que jurava que tinha perdido e, sobretudo, um monte de coisas dispensáveis: roupas que nunca usei, joias que nunca usarei; uma quantidade de bijuterias maior do que sou capaz de usar, mesmo se tivesse a vida social mais intensa das galá

Balada

(...) Os dois estão no carro, arrumados, indo para uma festa  A noite está fresca, céu aberto. Uma música suave, mas embalada, toca com clima de night . Eles conversam animados, faz tempo que querem ir para uma balada com os amigos.  Quando estão quase chegando, uma retenção no trânsito força uma parada. Ele olha distraidamente pela janela, apoiando o braço no volante e fica assim alguns segundos. Em seguida, lembra de algum assunto e vira para comentar com ela.  Ela está com um olhar fixado nele: olha seus braços, seus ombros, seu pescoço, sua boca... quase nada nela se mexe, só os lábios que se comprimem suavemente.  Ele reconhece aquele momento e esquece o que ia dizer. Fica rindo, levemente nervoso, temendo, esperando...gostando...  Ela então pula mais perto dele, mete as mãos em suas calças e abre botão e zíper com uma precisão de ninja, enquanto ele facilita, jogando braços e ombros pra trás.  Ela então enfia a mão pela calça dele e o encontra pulsando. Depois de engolir ele inte